Receba as novidades do setor

Seu nome

Seu e-mail

Broca da cana – é possível controlar essa praga e evitar prejuízos nos canaviais

A cultura da cana-de-açúcar é atacada por inúmeras pragas durante todo o ciclo, e uma praga que se destaca é a D. saccharalis, mais conhecida como broca da cana-de-açúcar. Essa praga está presente em todo o Brasil, e é necessário ter extremo cuidado, pois os danos são significativos, tanto diretos como indiretos.

Os danos diretos são causados nos colmos, o que acarreta perdas na colheita, representadas por canas quebradas e mortas que permanecem no campo. Além disso, a praga gera perdas na produção de açúcar e etanol, fazendo com que os produtores tenham prejuízos com o produto final.

Os danos indiretos referem-se à abertura de orifícios na planta, deixando-a mais suscetível a ataques de microrganismo, que podem causar diferentes tipos de doenças, como é o caso da podridão vermelha.

O engenheiro agrônomo da Socicana, Ronaldo do Amaral Caporusso, comenta que o controle da broca da cana pode ser realizado quando a cana está prestes a ser colhida. “O controle dessa praga pode ser feito na infestação final, quando a cana já está pronta para colher. Outra forma que eu indico de controle é o monitoramento no período em que a cana tiver um entrenó ou dois entrenós. Com o monitoramento, é possível verificar a infestação e identificar  possíveis índices para o uso de armadilhas.”

MIP Cana

Uma ferramenta que auxilia produtores no controle de pragas e doenças na cultura da cana-de-açúcar é o MIP Cana – Manejo Integrado de Pragas da Cana.  Com o MIP, os técnicos da Socicana fornecem treinamento aos colaboradores das propriedades, para que possam identificar as principais pragas que acometem os canaviais.

Com esse treinamento, é possível criar uma rede de apoio, entre propriedades e Associação, com o intuito de alertar sobre as infestações, e consequentemente, começar o trabalho de estratégias de prevenção.

Como realizar um bom manejo?

  1. São necessários levantamentos periódicos. De acordo com as pragas presentes, analisar se é hora de agir.
  2. Inspecione as mudas para evitar disseminação de pragas no plantio.
  3. Treine a equipe para explorar melhor as operações mecânicas e seus resultados.

Converse hoje mesmo com o Departamento Técnico da Socicana: (16) 3251-9275.