Receba as novidades do setor

Seu nome

Seu e-mail

Agricultura sustentável: a importância das certificações

A cada dia, o mercado mundial tem maiores exigências em relação à sustentabilidade dos setores produtivos. Consumidores de diversos perfis estão fazendo a opção por adquirir produtos de empresas que são responsáveis social e ambientalmente, e no setor da agricultura não é diferente.

A chamada agricultura sustentável estabelece critérios de produção, que atendam às boas práticas agrícolas, uso responsável de recursos naturais, redução de impactos à biodiversidade, cuidados com as pessoas que trabalham nas lavouras e viabilidade econômica.

E como garantir que a propriedade seja reconhecida como sustentável para o mercado? RSB (Roundtable on Sustainable Biomaterials) e Bonsucro estão entre as cerificações mais respeitadas internacionalmente, e o produtor que recebe um desses “selos”, comprova que atua dentro de padrões valorizados por clientes do Brasil e exterior.

Para a Analista de Projetos e Sustentabilidade da Socicana, Gabrieli Benatti, a certificação serve para demonstrar a qualidade na gestão, que aquele associado teve em todas as etapas do processo produtivo.  “Atualmente, vemos que os consumidores estão mais rigorosos em relação à qualidade dos produtos e querem a garantia de que os ingredientes vieram de fornecedores ambiental e socialmente responsáveis. Sendo assim, um produtor certificado sai na frente, pois os requisitos já são atendidos diante das exigências da própria certificação.”

O produtor José Erminio Gibertoni, que possui a chancela RSB, destaca como foi sua experiência. “Conseguimos a certificação a partir de ajustes que tivemos que fazer, em relação às normas para produzir com sustentabilidade. Muitas práticas corriqueiras, que eram realizadas no dia a dia do trabalho, tiveram que ser ajustadas, e a Socicana sempre prestou assessoria, nos auxiliando e fazendo com que nos adaptássemos às mudanças”, comenta Gibertoni.

O produtor Mario Lemos, certificado pela Bonsucro, destaca os esforços empreendidos. “Todo o processo teve um belo tempo investido, e nós tivemos muita ajuda da Socicana e da Raízen, o que foi fundamental para que nós conseguíssemos atingir o nível desejado. O aprendizado foi grande, e o investimento também. Porém, o ambiente de trabalho ficou muito mais dinâmico, facilitando o dia a dia da equipe, tanto no campo como no escritório”, ressaltou.

A Socicana atua com um programa próprio e selos internacionais dedicados à sustentabilidade: A iniciativa Bonsucro, a Certificação RSB e programa Top Cana, criado pela Associação em parceria com o Solidaridad.

Para que o produtor avance nos critérios de sustentabilidade da produção, a Associação oferece suporte desde os primeiros passos, quando o produtor demonstra o interesse até a conclusão de todas as etapas de certificação. Além do reconhecimento do mercado, as ações resultam em maior organização na gestão da propriedade, eficiência das operações e estratégicas mais objetivas na condução dos negócios. Os ganhos alcançam o produtor associado, o meio ambiente e toda a sociedade.