Receba as novidades do setor

Seu nome

Seu e-mail

MIP – ferramenta de grande impacto para seus resultados

A mecanização e a eliminação das queimadas nos canaviais provocaram o aumento da incidência das pragas. Por isso, o Manejo Integrado de Pragas da Cana é uma ferramenta da maior importância para evitar prejuízos.

Mahanarva fimbriolata ou cigarrinha das raízes

Praga de importância econômica muito grande, pois seu ataque leva a perdas na produtividade que variam de 15% a 80%, além da redução de até 30% no teor de sacarose. Podem ocorrer ainda problemas de contaminação no processo industrial, devido à deterioração da cana no campo. O nível de infestação considerado dano econômico é acima de 0,5 ninfa/metro.

Diatreia sacchoralis ou broca da cana-de-açúcar

Praga de importância primaria na cultura da cana, tendo incidência durante todo o ciclo da cultura. Causa danos nos colmos e, com isso, acarreta perdas na colheita, representadas por canas quebradas e mortas que permanecem no canavial. Leva também a perdas na produção de açúcar e etanol. O nível de infestação considerado dano econômico é acima de 2%.

Sphenophorus levis ou bicudo da cana

Principal praga dos canaviais, pois seus danos são permanentes e seu controle difícil. Na fase larval, causa sérios danos ao rizoma e, com isso, afeta o stand, a produtividade e a longevidade dos canaviais. O nível de infestação considerado dano econômico é acima de 2%.

 

Dicas do MIP

  1. Realize periodicamente os levantamentos para um melhor conhecimento das pragas existentes. Assim, é possível saber o momento de agir.
  2. Acompanhe de perto o desenvolvimento dos canaviais, observando os sinais relacionados a pragas logo que surgirem.
  3. Realize avaliações e inspeções nas mudas para não disseminar as pragas durante o plantio.
  4. Faça as operações mecânicas corretamente com o objetivo de maximizar a eficiência nas operações.

A Socicana oferece o MIP Cana, fazendo a avaliação do canavial e transmitindo informações sobre qual praga está predominando. Os colaboradores da propriedade recebem orientações para a prevenção e controle. Converse hoje mesmo com nosso Departamento Técnico: (16) 3251-9275.

Ronaldo do Amaral Caporusso
Engenheiro Agrônomo da Socicana